A+ A- Acessibilidade

Notícias

Cinemas em Rede – Sessão do dia 10 de junho exibe ” No Limite “


Filme Limite

A sessão faz parte da programação do projeto Cinemas em Rede. Cinemas em Rede é um projeto inovador de compartilhamento e difusão de conteúdos audiovisuais, pela internet de alta capacidade, via CiPê, coordenado pela Rede Nacional de Ensino e Pesquisa- RNP em parceria com os Ministérios da Cultura (MinC) e Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI). Quatro Instituições participam desta fase piloto do Projeto: a UFRGS (Sala Redenção – Cinema Universitário); USP (CINUSP e Escola de Comunicação e Artes-ECA); UFBA (Saladearte Cinema da UFBA) e a Fundação Joaquim Nabuco – FUNDAJ, em Recife. Uma das possibilidades do projeto é compartilhar conteúdos, mostras e ciclos em tempo real entre estes pontos de cinema.

No dia 10 de junho, às 19h, a Cinemateca Brasileira compartilhará a sessão com os outros pontos do projeto.

 

Limite chegou a ser lançado em um cinema do Rio, em 1930, mas logo foi retirado de cartaz pelo seu próprio autor, em decorrência da reação desfavorável da plateia. Decepcionado, Peixoto não se interessou mais em exibi-lo, guardando consigo todas as cópias do filme. Segundo se informa, entretanto, Limite teria sido exibido numa sessão particular em Londres, em 1931, e foi elogiado por Eisenstein. Na mesma época foi mostrado em sessões fechadas no Rio e, depois disso, apenas visto em projeções clandestinas na década de 50. Em 8 de novembro de 2007, o Comitê Nacional do Brasil do Programa Memória do Mundo da UNESCO nominou o filme LIMITE, apresentado pela Cinemateca Brasileira e a Secretaria do Audiovisual / MinC, como patrimônio nacional brasileiro protegido em benefício da humanidade. Em 25 de março de 2008, o Comitê Regional para América Latina e Caribe, do mesmo Programa, chancelou a obra como patrimônio protegido no âmbito da América Latina e Caribe. O filme foi recuperado por iniciativa de Plinio Sussekind Rocha. Os trabalhos de restauração, orientados por Saulo Pereira de Mello, foram iniciados em 1958 e concluídos em 1971. Em janeiro de 2011, a Cinemateca Brasileira concluiu a restauração digital do filme.

 

LIMITE (Brasil, 1931, 120min) de Mário Peixoto

10 de Junho – terça-feira – 19h

 

Categorias
Longa-metragem / Silencioso / Ficção

Material original
35mm, BP, 120min, 3.340m, 16q, Vitaphone

Data e local de produção
Ano: 1931
Início: 1930.04.00
País: BR
Cidade: Rio de Janeiro

Gênero

Experimental; Drama

Produção
Produção: Peixoto, Mário

Argumento/roteiro
Argumento: Peixoto, Mário
Roteiro: Peixoto, Mário

Direção
Direção: Peixoto, Mário
Assistência de direção: Cósta, Rui

Fotografia
Câmera: Brazil, Edgar
Assistência de câmera: Cósta, Rui
Iluminação: Brazil, Edgar

Montagem
Montagem: Peixoto, Mário; Brazil, Edgar

Música
Música de: Satie, Erik; Debussy, Claude-Achille; Prokofiev, Serghei Sergheievitch; Ravel, Maurice; Stravinsky, Igor; Borodin, Aleksandr Porfirevitch; Franck, César
Trilha musical: Pedreira, Brutus

Locação: Mangaratiba – RJ
Identidades/elenco:
Breno, Olga (Mulher n.1)
Rei, Taciana (Mulher n.2)
Santos, Carmen (Prostituta do cais)
Schnoor, Raul (Homem n.1)
Pedreira, Brutus (Homem n.2)
Peixoto, Mário (Homem do cemitério)
Brazil, Edgar (Espectador adormecido)